Orientações aos pais sobre: Mordidas na infância

A escola é um espaço de múltiplas possibilidades. Por unir crianças com individualidades diversas, o ambiente pedagógico é o lugar favorável para lidar com determinadas situações ainda na primeira infância. Dentre essas situações estão as mordidas. Nessa fase em que a linguagem ainda está em desenvolvimento e as crianças ainda não conseguem se comunicar de maneira funcional é comum que ocorram atitudes nem sempre aceitáveis e agradáveis, como por exemplo, morder para expressar a sua insatisfação ou até mesmo o desejo de conhecer por meio da experimentação do real. Na maioria das vezes a fase da mordida coincide com a entrada na escola. O fato de ter que compartilhar brinquedos, atenção e espaço com outras crianças pode ser demais para quem estava acostumado, até então, a ser o centro de todos os olhares e a ter suas vontades atendidas no mesmo instante. Diante disso a criança acaba recorrendo a empurrões, puxões de cabelo e principalmente a mordidas!
A mordida na escola é uma situação constrangedora para todos os envolvidos. Os pais da criança que morde sentem-se envergonhados, os pais da criança que foi mordida ficam chateados e, por vezes, sentem-se culpados de ter deixado o filho na escola. Já a escola tem o dever de mediar toda essa relação e ensinar aos pequenos formas alternativas de externar seus sentimentos, mostrando que esse comportamento não é legal, que machuca e faz o colega chorar. É evidente que somente isso não é suficiente, por isso contamos com a parceria dos pais.
Mas tranquilizem-se! É importante sabermos que as mordidas deixarão de existir conforme o desenvolvimento da linguagem. Aos poucos, as crianças vão absorvendo esses conceitos e descobrindo outras formas de expor seus desejos, adaptando-se ao ambiente e se socializando, melhorando assim o convívio em grupo. A resposta para tal circunstância é orientar adequadamente, com diálogo, atenção, carinho e amor, pois o seu desenvolvimento emocional depende disso.

Setor de Psicologia do Complexo Cultural Schoenberg
Gilcélia Garcia Pinheiro
Psicóloga
CRP – 11/10571

Related posts

Ensino Fundamental

Ensino Fundamental

O ensino Fundamental SCHOENBERG prioriza o desenvolvimento das principais habilidades da criança e sua inserção num espaço social que pode ser...

Posted

Leave a Reply